Serviços e Eventos

Exposição Rota da Seda

O fotógrafo Fabio Elias, da Imagens & Aventuras, percorreu durante 45 dias a milenar Rota da Seda. Como uma estrada, a Rota da Seda servia de plataforma para o intercâmbio entre as nações e as etnias da Asia Central e Europa.

 

Estiveram ao longo de seu caminho vários patrimônios da Unesco entre raridades artísticas arquitetônicas, pinturas, esculturas e até objetos que mostravam o processo da evolução das principais letras atuais. Pesquisando novos roteiros para as próximas Expedições da Imagens & Aventuras, Fabio Elias desbravou os muitos mistérios ainda indecifrados dessa fantástica viagem, fazendo trekkings, cavalgadas e convivendo com famílias locais em suas iurtas (tipo de moradia carcterísticas da região).

 

A porta de entrada da viagem foi Istambul (antiga Constantinopla) na Turquia, logo depois partiu para o interior do país por regiões da Capadocia, Pumukalle e o Parque Nacional de Nemrut Dagi, com suas imponentes esculturas colossais. Em seguida o fotógrafo esteve no Uzbequistão onde visitou a cultura e a história de Tashkent, Samarkand, Bukhara e Khiva, com sua arquitetura ao estilo Uzbek com mesquitas e madrassas construidas com cerâmicas azuis e verdes representando um legado do Islã pacífico. No Quirquistão, sua terceira parada, os destaques foram os trekings e as cavalgadas pelo Lago Issakul, o segundo maior lago navegável do mundo. Sempre pernoitando e convivendo com familias locais em suas iurtas. A viagem terminou na China oriental em um dos maiores e mais coloridos mercados da Ásia, em Kashgar, um dos oásis da Rota da Seda, região de colonização muçulmana da etnia Uyigur.